Estamos no Amarelo na classificação nacional.

Há semanas entre os Estados com maior taxa de crescimento de mortes por covid-19, Mato Grosso do Sul apresentou estabilidade por dois dias e, nesta segunda-feira (10), ganhou classificação amarela no monitoramento nacional. De acordo com a análise feita pelo Consórcio de Veículos de Imprensa, a quantidade de óbitos no Estado não caiu, porém permaneceu estável.

O balanço leva em consideração números apresentados pela Secretaria Estadual de Saúde, que divulgou na manhã de hoje o total de 523 mortes por covid-19, em Mato Grosso do Sul. Nas últimas 24 horas, foram 14 óbitos, seis deles em Campo Grande.

Também contabilizaram novas mortes os municípios de Aquidauana, sendo 3 novos casos; Guia Lopes da Laguna, Inocência, Corumbá, Fátima do Sul e jardim, que confirmaram um óbito cada, de ontem para hoje.

Além de Mato Grosso do Sul, a lista de Estados em estabilidade com relação aos números de mortes pela doença também traz o Paraná, Espirito Santo, Goiás, Mato Grosso, Acre, Amazonas, Tocantins, Bahia, Ceará, Pernambuco e Piauí, além do Distrito Federal.

Três Estados aparecem entre os com as maiores taxas de óbitos, mesma categoria em que antes Mato Grosso do Sul era listado, anteriormente: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Minas Gerais.

Rio de Janeiro, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Alagoas, Maranhão, Paraíba, Rio Grande do Norte e Sergipe são os Estados que apresentam queda no número de vidas perdidas devido á doença.

Números – Segundo a SES, dos 523 óbitos registrados até o momento, 115 foram nos primeiros 9 dias de agosto. De acordo com último balanço, 31.739 pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus, 13.188 na Capital.

Fonte: campo grande news

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *