50 Escolar particulares entregaram o termo de compromisso na Prefeitura.

Até a manhã de hoje, 50 escolas haviam entregue o termo de compromisso previsto em decreto para a volta às aulas na próxima segunda-feira (21). O número é mais da metade das instituições de ensino que vem brigando há meses para o retorno. O Sinep (Sindicato das Escolas Particulares de Mato Grosso do Sul) havia levantado que eram 89 as escolas com Educação Infantil que tinham a intenção de voltar até o último decreto publicado, que trouxe uma série de medidas. “A intenção de volta era essa, mas o decreto que saiu apresentou mais exigências do que tínhamos apresentado antes e muitas escolas que fizeram um plano mais sucinto vão ter de se readequar”, fala a presidente do sindicato, Maria da Glória Paim.

O sindicato está levantando e deve ter um número fechado apenas na segunda-feira. “A nossa expectativa, no fim das contas, é voltar. Estamos há quanto tempo fechados? O segmento quer voltar, as famílias querem ter o filho de volta. Temos que atender os alunos que permanecerão em casa e aqueles que vão para a escola”, fala a representante.

Segundo a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública), 50 pré-escolas de Educação Infantil protocolaram o termo de compromisso tanto na Vigilância Sanitária quanto na Central de Atendimento ao Cidadão.

Uma das escolas que não vai voltar agora é a Educação Infantil do Colégio Dom Bosco. Em nota, o colégio informou aos pais que preferiu aguardar mais alguns dias, marcando o retorno para o dia 1º de outubro. Coordenador do colégio, Lúdio Silva, disse que não tem relação com os critérios exigidos pela Prefeitura e que se trata de uma decisão da coordenação pedagógica e da direção. “Muitas escolas não vão voltar, nós estamos preparados e poderíamos abrir a partir do dia 21, mas a gente optou por voltar somente em outubro, porque não há uma pressão da escola. Não tivemos pressa nenhuma em antecipar em nenhum momento”, frisa.

Passando pelos últimos treinamentos de funcionários, a escola Maple Bear volta com 30 alunos na segunda-feira. Diretor administrativo da Maple Bear, Rafaat Toumani explica que o dia será de preparação com a engenheira sanitarista Keiciane Brasil orientando quanto ao uso de máscara, lavagem, troca e higienização das mãos.

Fonte: CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *